segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

FA Cup: Jogos de sábado, domingo e sorteio das 4as-de-final


Chelsea 4 x 1 Cardiff City


Sem grandes dificuldades, o Chelsea se classificou para as quartas-de-final da Copa da Inglaterra ao golear o Cardiff City, da segunda divisão, por 4 x 1. A goleada pareceu evidente logo no primeiro minuto, quando Drogba abriu o placar. Porém, o Cardiff não mostrou-se abatido, e ensaiou alguns bons ataques, não parecendo se intimidar diante do gigante londrino. E a recompensa dessa ousadia veio aos 33 minutos quando o bom Michael Chopra, ex-Sunderland, empatou, placar da primeira etapa.

Na segunda etapa, as coisas foram mais da forma como se esperava: Ballack, aos 5, Sturridge, aos 23, e Kalou, aos 40 minutos, decretaram a classificação dos Blues.

Chelsea: Hilário; Paulo Ferreira, Alex, Ricardo Carvalho e Zhirkov; Obi Mikel, Ballack e Lampard; Joe Cole(Kalou); Sturridge(Malouda) e Drogba(Borini).
Téc.: Carlo Ancelotti.

Cardiff:
Marshall; McNaughton, Gerrard, Gyepes e Kennedy; Burke(McCormack), Rae(Blake), Wildig(Taiwo) e Whittingham; Chopra e Bothroyd.
Téc.: David Jones.


Southampton 1 x 4 Portsmouth

No grande clássico das oitavas-de-final, o Portsmouth surpreendeu ao golear seu arqui-rival por 4 x 1, em Southampton.

Os gols tardaram a acontecer: Owusu-Abeyie, aos 21 do 2º tempo, abriu o placar para o Pompey. Quatro minutos depois, o artilheiro Richard Lambert marcou seu 25º gol na temporada e empatou a partida para os Saints. A vantagem durou apenas cinco minutos, pois o marfinense Aruna Dindane recolou o time de Avram Grant em vantagem. Aos 37, foi a vez de Belhadj fazer o terceiro gol, enquanto O'Hara fechou o placar, aos 40 minutos.



Portsmouth: David James; Mullins, Marc Wilson, Hreidarsson(Richard Hughes) e Belhadj; Bouba Diop, Basinas(Owusu-Abeyie), O’Hara e Yebda; Aruna Dindane e Utaka(Piquionne).
Téc.: Avram Grant.

Southampton: Kelvin Davis; Wayne Thomas, Jaidi, Perry(Lee Holmes) e Harding; Michail Antonio, Hammond, Schneiderlin e Lallana; Papa Waigo(Barnard) e Richard Lambert.
Téc.: Alan Pardew.


Derby County 1 x 2 Birmingham

De virada, e com gols da sua dupla de zaga, o Birmingham visitou o Derby County e se classificou para as 4as-de-final.

O defensor James McEveley abriu o placar para o time da casa aos 10 da segunda etapa. O zagueiro Dann, aos 28, empatou para o Birmingham. Quando tudo levava a crer que haveria o 'replay', o outro zagueiro, Roger Johnson, aos 48 minutos, colocou o time de Alex McLeish na próxima fase.

Derby: Bywater; Nicky Hunt, Buxton, Barker e McEveley; Tonge, Paul Green, Savage e Pearson; Commons e Hulse.
Téc.: Nigel Clough.

Birmingham: Hart; Carr, Roger Johnson, Dann e Ridgewell; Lee Bowyer, Ferguson, Sebastian Larsson(Fahey) e McFadden(Craig Gardner); Cristián Benítez(Kevin Phillips) e Jerome.
Téc.: Alex McLeish.


Reading 2 x 2 West Bromwich

Em confronto de times da Championship, o West Bromwich arrancou um empate no finzinho, garantindo a realização do 'replay'.
Logo no primeiro minuto de partida, o Reading abriu o placar com Jimmy Kebe. Ainda no primeiro tempo, Robert Koren empatou para o WBA. Aos 28 da segunda etapa, o suplente Simon Church recolocou os Royals em vantagem, mas a três minutos do fim, o jovem lateral Joe Mattock, de apenas 19 anos, fez o gol que manteve o West Brom vivo na FA Cup.


Reading:
Federici; Griffin, Ingimarsson, Matthew Mills e Bertrand; Karacan(Tabb) e Gunnarsson; Howard(Church), McAnuff e Kebe(Rasiak); Long.
Téc.: Brian McDermott.

WBA: Carson; Zuiverloon, Olsson, Meité(Tamas) e Mattock; Gonzalo Jara(Mulumbu), Dorrans, Simon Cox, Chris Brunt(Luke Moore) e Koren; Bednar.
Téc.: Roberto Di Matteo.


Manchester City 1 x 1 Stoke City

Mesmo atuando com seu time titular, o Manchester City frustrou sua torcida ao não sair de um empate com o Stoke City, no City of Manchester. A impressão era de uma vitória fácil quando Wright-Phillips, logo aos 11 minutos de partida, abriu o placar, depois de uma falha do zagueiro Shawcross. Mas o jogo do City enroscou, e o time não conseguia pressionar em busca de uma vantagem melhor.

O castigo veio no segundo tempo, com um gol bem ao estilo Stoke: o meia Delap bateu um dos seus absurdos laterais, e a bola encontrou a cabeça do atacante Fuller, que empatou a partida.

Man City: Given; Zabaleta, Kolo Touré, Lescott e Bridge; Nigel de Jong e Barry; Wright-Phillips, Ireland(Vieira) e Martin Petrov(Santa Cruz); Adebayor.
Téc.: Roberto Mancini.

Stoke:
Sorensen; Huth, Shawcross, Wilkinson(Danny Collins) e Higginbotham; Whelan, Salif Diao, Etherington(Lawrence(Delap)) e Tuncay; Fuller e Sidibe.
Téc.: Tony Pulis.


Bolton 1 x 1 Tottenham

Em outro confronto envolvendo times da Premier League, Bolton e Tottenham não saíram do empate e também realizarão um replay.

Num primeiro tempo de amplo domínio do time da casa, coube a Kevin Davies abrir o placar, após troca de passes entre Elmander e Lee Chung-Yong, aos 34 minutos. Já na segunda etapa, o Tottenham foi pra cima e passou a pressionar, especialmente pelo lado esquerdo, com a (mais uma) ótima partida de Gareth Bale. E o gol de empate saiu do artilheiro Jermain Defoe, aos 16 minutos. Os Spurs tiveram uma grande chance de garantir sua vaga aos 27 minutos, após pênalti cometido por Ricketts, mas Jaaskelainen defendeu a cobrança de Huddlestone.

Bolton: Jaaskelainen; Steinsson, Ricketts, Knight(Andy O'Brien) e Paul Robinson; Muamba, Ricardo Gardner, Matthew Taylor(Cohen) e Lee Chung-Yong(Mark Davies); Elmander e Kevin Davies.
Téc.: Owen Coyle.

Tottenham: Gomes; Corluka, Michael Dawson, Ledley King e Bale; Huddlestone, Palacios, Bentley e Modric(Kranjcar); Defoe e Crouch.
Téc.: Harry Redknapp.


Fulham 4 x 0 Notts County

A aventura do Notts County, time da quarta divisão inglesa, terminou com a goleada sofrida para o Fulham por 4 x 0, gols de Simon Davies (22'), Zamora (41'), Damien Duff (73') e Okaka Chuka (79').

Fulham: Schwarzer; Baird, Aaron Hughes, Hangeland e Shorey; Dickson Etuhu, Danny Murphy(Greening), Simon Davies e Duff(Bjorn Riise); David Elm e Zamora(Okaka Chuka).
Téc.: Roy Hodgson.

Notts County:
Kasper Schmeichel; Stephen Hunt, Mike Edwards, John Thompson e Ben Davies; Neal Bishop, Clapham(Rodgers), Westcarr(Hawley), Ravenhill e Johnnie Jackson; Lee Hughes(Hamshaw).
Téc.: Dave Kevan.


Crystal Palace 2 x 2 Aston Villa

O Crystal Palace esteve muito perto de eliminar outra equipe da Premier League - tal qual fez com o Wolverhampton -, mas um gol perto do fim salvou o Aston Villa da eliminação.

Johnny Ertl abriu o placar para o time de Londres aos 24 minutos de partida, mas aos 35 o zagueiro James Collins empatou para os visitantes. Darren Ambrose, aos 25 do segundo tempo, recolocou o time da casa em vantagem, mas Stiliyan Petrov, a três minutos do fim, deu números finais ao encontro.

Crystal Palace: Speroni; Butterfield, Ertl, Claude Davis e Clyne; Clint Hill, Derry, Danns, Ambrose e Carle; Alan Lee(Calvin Andrew).
Téc.: Neil Warnock.

Aston Villa: Friedel; Luke Young, James Collins, Dunne e Warnock; Delph(Delfouneso) e Stiliyan Petrov; James Milner, Downing e Ashley Young; Heskey(Carew).
Téc.: Martin O'Neill.

- Os replays serão jogados no dia 24 de fevereiro.


Sorteio das quartas-de-final

Chelsea x Manchester City/Stoke City
Fulham x Bolton/Tottenham
Reading/West Bromwich x Crystal Palace/Aston Villa
Portsmouth x Birmingham

- As partidas serão realizadas nos dias 06 e 07 de março.


Abraços a todos,
André Renato e Jessica Corais.

2 comentários:

Eduardo Junior disse...

André e Jéssica, vocês por acaso sabem se as semi-finais dessa temporada serão realizadas no Wembley de novo?

Blog do site: Futebol no Mundo disse...

Quase dá Crystal palace nas quartas, porém no Replay, deve dar City e Villa msm.

abraços...