terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Jogos da segunda pela 20ª rodada da Premier League

O final de ano na Inglaterra sempre nos reserva um caminhão de jogos; um dia depois do término de uma rodada, já tivemos o início de outra rodada, com a realização de seis partidas. Destaques para a segunda vitória de Roberto Mancini no Man City e do recorde de invencibilidade igualado pelo Birmingham. Aos jogos:

Wolverhampton 0 x 3 Manchester City


Mesmo jogando fora de casa, o Manchester City venceu o Wolverhampton, por 3 a 0, gols de Tevez (2) e Garrido, cobrando falta. Assim, Roberto Mancini chegou a sua segunda vitória em dois jogos sob comando do Citizens.

O placar largo de certa maneira esconde um pouco do que foi o jogo. O City jogou buscando os contra ataques, esperando o Wolves em seu campo de defesa, para matar a partida com seus atacantes Bellamy e Tevez, com Petrov auxiliando Ireland na armação das jogadas.

O Manchester City soube aproveitar as oportunidades que lhe surgiu e fez seu placar. Enquanto o Wolves, como vem acontecendo neste campeonato, faz até uma boa exibição, porém não suficiente para vencer.

Mancini trocou o 4-2-1-3 da última partida, pelo tradicional 4-4-2. Além disso, promoveu a entrada de Bellamy no lugar de Robinho e Richards na vaga de Sylvinho. Ainda existe certa desorganização no time, mas nada que uma sequência de treinamentos e quem sabe a volta dos lesionados não resolvam.

Robinho, que vem sendo muito criticado, começou no banco de reservas. Porém, ele entrou aos 41 minutos da segunda etapa e logo que tocou na bola, deu a assistência para o gol de Tevez.


Wolves (4-4-2): Hahnemann; Zubar, Craddock, Berra(Stearman) e Elokobi; Karl Henry, Mancienne, Surman e Foley(Jarvis); Doyle(Ebanks-Blake) e Iwelumo.
Téc.: Mick McCarthy.

Man City(4-4-2):Given; Micah Richards, Kolo Touré, Kompany e Zabaleta; Nigel de Jong, Barry, Ireland(Garrido), Martin Petrov(Robinho); Bellamy e Tevez(Sylvinho).
Téc.: Roberto Mancini.


Chelsea 2 x 1 Fulham

Com bastante dificuldade, o Chelsea venceu o Fulham no Stamford Bridge, por 2 a 1, de virada. Gols de Drogba e Smalling (contra) para os Blues, e Gera, para os visitantes. Com isso, o time de Carlo Ancelotti segue firme na porta da tabela, com cinco pontos de diferença para o segundo colocado, o Manchester United.

Com José Mourinho, ex-técnico do Chelsea e próximo adversário dos Blues na Liga dos Campeões, presente nas arquibancadas, o Fulham abriu o marcador logo aos três minutos de jogo, numa jogada bem trabalhada.

A partir daí, o Fulham recuou e o Chelsea foi pra cima. Rodava a bola, mas sem criatividade no meio de campo.

Porém, em três minutos aconteceu a virada. Aos 28 com Drogba de cabeça após cruzamento de Ivanovic, e depois com Smalling, que vinha fazendo uma ótima partida, marcar contra.

O Chelsea pressionou o jogo inteiro, mas não conseguiu criar grandes jogadas de ataque e mesmo assim, venceu após ter empatado as últimas duas partidas. Entretanto, restará saber como os Blues irão sobreviver sem seus jogadores africanos, que disputarão a Copa das Nações Africanas, em Janeiro.

Chelsea (4-1-2-1-2): Cech; Paulo Ferreira(Ivanovic), Ricardo Carvalho, Terry e Zhirkov(Ashley Cole); Obi Mikel(Sturridge); Ballack e Lampard; Joe Cole; Kalou e Drogba.
Téc.: Carlo Ancelotti.

Fulham (4-4-2): Schwarzer; Pantsil(Dickson Etuhu), Aaron Hughes, Smalling e Konchesky; Baird, Danny Murphy, Duff(Bjorn Riise) e Dempsey; Gera(Andrew Johnson); Zamora.
Téc.: Roy Hodgson.


Tottenham 2 x 0 West Ham

Com gols de Luka Modric e Jermain Defoe, os Spurs chegam ao seu quarto jogo invicto e entram na zona de classificação para a Liga dos Campeões. Defoe, que luta para conquistar uma vaga no grupo da Inglaterra pra Copa de 2010, é o artilheiro da Premier League, ao lado de Drogba, com 14 gols.


Everton 2 x 0 Burnley

Foi sofrido, mas o Everton fez o dever de casa e bateu o Burnley por 2 x 0. O primeiro gol foi curioso: Vaughan entrou no lugar do russo Bilyaletdinov e em seu primeiro toque na bola abriu o placar, com segundos dentro de campo. Nos acréscimos, o sul-africano Pienaar garantiu o triunfo dos Toffees.


Blackburn 2 x 2 Sunderland

Buscando se distanciar da zona de rebaixamento, Blackburn e Sunderland não saíram de um empate. Darren Bent abriu o placar para os visitantes, mas Gamst Pedersen, em bela jogada individual, empatou. Bent recolocou seu time em vantagem, mas Diouf empatou novamente. Ambas equipes não vencem há seis jogos.


Stoke City 0 x 1 Birmingham

A campanha do Birmingham beira o surreal: desde 1908 (!) os Blues não ficavam onze jogos invictos. E ainda por cima conseguindo repetir a mesma escalação há oito jogos. Cameron Jerome foi o responsável por manter essa excelente série, marcando no começo do segundo tempo o gol da vitória.


Veja também:
- Fichas das partidas


Abraços a todos de Jessica Corais e André Renato

3 comentários:

João Hugo disse...

Salve!

Obrigado pelo elogio ao nosso Blog.

Vamos trocar sim, parceria é sempre bem vinda. Qualquer coisa a respeito do City estamos aí.

Grande abraço e parabéns pelo blog também, muito bom.

Sds,

João Hugo

Igor Rodrigues disse...

Olá!

Obrigado pela força ao nosso blog!

Iremos adicionar este blog como favorito! Me adicione no msn para estabelecermos um contato melhor:

menudo_cp2@hotmail.com

Obrigado,

Igor Rodrigues

Igor Veiga disse...

Valeu pelo comentário.
Muito bom o seu blog também!
Já acrescentei na lista de blogs aqui.

Abrçs... GO, TOFFEES!